26 de maio de 2024

VIÇOSA DO CEARÁ SERÁ SEDE DA 17ª ROMARIA DA TERRA E 1ª DAS ÁGUAS

A cidade de Viçosa do Ceará, na Serra da Ibiapaba, sediará a 17ª Romaria da Terra e das águas, organizada pela CPT – Comissão Pastoral da Terra do Ceará.  O Evento acontecerá  no dia 02 de agosto deste ano (2015), com o tema: “Territórios: povo irmão, terra e água em nossas mãos”.
Durante o percurso de preparação, a  Diocese de Tianguá, assim como as demais dioceses do Ceará,  irá realizar encontros de formação sobre a temática da Romaria, a fim de promover um serviço pastoral voltado para as questões que envolvem diretamente a vida dos camponeses e demais aspectos da vida em territórios.
A última Romaria foi realizada em agosto de 2013 na cidade de Sobral e reuniu cerca de quase 17 mil pessoas vindas  das vária regiões do Ceará.
A Romaria
A Romaria da Terra e das Águas é um momento forte de celebração das lutas e de denúncia de tudo aquilo que ameaça a vida dos seres humanos e da natureza. O tema expressa uma utopia, no sentido de esperança, de movimento, de caminho, que vai se tornando topia no cotidiano de nossos povos em suas lutas e resistências. Expressa, ainda, um grito, um clamor de todos os povos que buscam, de todas as maneiras, permanecerem em seus territórios ou retomarem os que lhes foram tomados. A criação pertence a Deus e, justamente por isso, os bens naturais não podem ser concentrados nas mãos de poucos, mas precisam estar a serviço de toda a humanidade, a partir dos princípios do cuidado e da sustentabilidade.
 
O tema
A luta em defesa do território é antiga e está presente em todo o Brasil. Há mais de 5 séculos colonizadores chegaram ao Brasil usurpando dos indígenas o seu espaço sagrado de vida. Desde aquele momento, nesta terra brasilis, nossos povos originários não puderam mais viver com tranquilidade e dignidade”.
Não é tão simples falar de território, já que é um termo também utilizado pelos governos como espaço de governança, de divisão geográfica, de maneira que, ao falar de território, pode-se facilmente relacionar-se com os territórios governamentais, como os territórios da cidadania. No entanto, este termo é carregado de significados para nossos povos e, por isso mesmo, apostamos no processo de preparação para a Romaria da Terra e das Águas para realizar um amplo debate sobre a necessidade de fortalecer as lutas em defesa dos territórios. A terra e a água são dois elementos fundamentais na composição do território, mas este envolve também as pessoas, seus modos de vida, sua cultura, suas formas de produção e reprodução, seus mitos, suas crenças. Nas peculiaridades, os territórios são identificados e diferenciados uns dos outros.
Carlos Jardel
Fonte: www.revistacamocim.com